CADÊ O ACOSTAMENTO?: Rodovia de acesso a Guarabira se destaca pelo seu perigo. Assista;

1060

Nos últimos dias nossa equipe de reportagem atendendo a vários pedidos da população de Guarabira (distrito industrial) mais precisamente na localidade conhecida por encruzilhada, sobre um fato que chama a atenção de moradores e motoristas, os postes de alta tensão que são de responsabilidade da Energisa e que estão praticamente no canteiro da rodovia ou no caso dentro de onde deveria ser.

Uma das rodovias de bastante movimento a PB-073 pois a mesma é uma das vias de acesso e saída da cidade de Guarabira. É possível observar em nossas imagens que os condutores têm dificuldades em manobrar ou realizar uma parada no canteiro da rodovia.

No Código Brasileiro de Trânsito, acostamento é a “parte da via diferenciada da pista de rolamento destinada à parada ou estacionamento de veículos, em caso de emergência e à circulação de pedestres e bicicletas, quando não houver local apropriado para esse fim”, no caso da localidade o acostamento não tem essa finalidade, mas para a implantação de postes tirando a sua principal função, caso ocorra um acidente onde a ambulância do SAMU ou Bombeiros irá estacionar? Segundo a legislação em espaço mínimo do acostamento deve ser de 5 metros de distante da rodovia, mas notamos que em alguns pontos são apenas alguns centímetros.

Assista a reportagem de Rodrigo Sousa e Edilson Campos;

Nossa reportagem teve dificuldade de conseguir estacionar, se colocando em uma emergência.

Nossa redação se disponibiliza para explicações dos citados em nossas matérias.