A guarnição do destacamento tomou conhecimento na tarde desta terça-feira (03/11), no conjunto Santo Amaro, em que um elemento havia tirado uma foto de um menor exibindo uma arma de fogo. Diante do fato a guarnição da Vtr 6563 comandada pelo Sgt Martins se deslocou até a residência do menor e na presença de sua avó relatou que a arma era de propriedade do acusado, e que apenas tinha tirado uma foto com a arma.

Sendo assim diante das informações a guarnição se dirigiu até a residência do indivíduo, que a princípio negou ser o proprietário da arma de fogo, más logo em seguida confessou que estava de posse de 01 (uma) espingarda de fabricação indefinida e a segunda arma 01 (um) rifle com cinco munições intactas e um carregador estaria no conjunto Santo Amaro na casa de um amigo, que este relatou estaria sendo ameaçado por um ex presidiário. Diante dos fatos, os mesmos foram conduzidos juntamente com as armas para a DP de Guarabira e apresentados ao delegado plantonista onde foram autuados em flagrante delito por posse ilegal de arma de fogo.