Após desistência polêmica, Salgueiro recua e vai participar da Copa do Nordeste e Copa do Brasil

Depois de protocolar um pedido na Federação Pernambucana de Futebol para não participar da Copa do Nordeste e Copa do Brasil deste ano, o Salgueiro mudou de ideia e vai disputar as duas competições mais rentáveis do primeiro semestre.

A mudança de rumo foi confirmada nesta quinta-feira. A informação foi confirmada pelo presidente da FPF, Evandro Carvalho.

– O Salgueiro comunicou a Liga do Nordeste que vai disputar a competição. Decidiram voltar atrás e a CBF homologou.

O Salgueiro agendou uma coletiva de imprensa para às 10h desta quinta-feira, mas mais de uma hora e meia depois a entrevista ainda não havia começado. Nas dependências clube, o presidente José Guilherme da Luz adiantou que aguardaria o sorteio da Copa do Nordeste, que acontece nesta quinta-feira.

“Vamos aguardar o sorteio, a oficialização, para falarmos. Mas o que posso adiantar é que o defunto voltou da porta do cemitério.”

Nos bastidores, um dos fatores determinantes foi a ameaça dos jogadores do Salgueiro de abandonar o clube. Em reunião realizada com a diretoria, o grupo cobrou responsabilidade e evidenciou o descontentamento com a decisão.

Em ofício encaminhado ao presidente da FPF nesta quinta, o Salgueiro afirmou que “estava sofrendo pressão de toda torcida quanto a atitude desesperada de não participar da Copa do Nordeste e Copa do Brasil”.

A situação lembra a de 2015, quando o então presidente do Carcará, Clebel Cordeiro, fez um pedido semelhante à FPF. Na época, a intenção era abandonar a Série C e não disputar as competições do ano seguinte. Assim como agora, o clube alegava problemas financeiros.

GE