O paraibano, pastor Sérgio Queiroz, pediu demissão e deixou o cargo de secretário especial de modernização do Estado no governo do presidente Jair Bolsonaro. A informação foi dada pelo próprio pastor, através das suas redes sociais, neste sábado (31).

De acordo com Sérgio Queiroz, ele pediu afastamento para dedicar-se à finalização do Pós-Doutorado em Direito.

Sérgio Queiroz estava no Governo Bolsonaro desde 2019, quando foi nomeado como Secretário Nacional de Proteção Global de Direitos Humanos. Já em 2020, foi nomeado por Bolsonaro como Secretário Especial de Desenvolvimento Social.

Atualmente ele foi convidado para ocupar uma das secretarias nacionais do novo Ministério do Trabalho e Previdência.

 

Do Clickpb