Ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luís Roberto Barroso rebateu nesta quinta-feira (05) os ataques feitos pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) . Na ocasião, o presidente afirmou que Barroso concedeu perdão judicial, em 2016, a José Dirceu, condenado no mensalão. Veja a públicação:

No Twitter, o ministro afirmou que o indulto foi concedido pelo presidente da República. Ao STF, coube apenas acatar a decisão. “Um esclarecimento: quem concede indulto é o presidente da República.” O Judiciário apenas aplica o decreto presidencial. Nas execuções penais do mensalão, deferi o benefício a todos que se adequaram aos requisitos”, explicou Barroso.