Ministro Edson Fachin durante sessão da Segunda Turma do STF para jugar ação penal proposta pela Procuradoria-Geral da República (PGR) contra a senadora Gleisi Hoffmann e seu marido, o ex-ministro do Planejamento Paulo Bernardo.
⁠Roberto Jefferson, que está preso desde a última sexta-feira (13 de agosto) por envolvimento em organizações criminosas que atentam contra a democracia, terá a sua liberdade decidia por Fachin.

A pedido da Polícia Federal, o ministro Edson Fachin julgará se concede liberdade, o ministro Alexandre de Molas ordenou sua prisão.

O gabinete de Fachin recebeu pelo menos oito habeas corpus em apoio ao presidente do PTB.

Além de Moraes, com quem Jefferson disse ter uma conta “pessoal”, Fachin foi ofendido pelo ex-deputado nas redes sociais. O episódio mais recente ocorreu algumas horas antes da prisão.