A ousadia de golpistas tem transformado credores de precatórios na Paraíba em vítimas de golpes. A prática tem preocupado o Tribunal de Justiça (TJPB), que fez um alerta: o órgão não envia mensagens via WhatsApp ou efetua ligações cobrando valores referentes aos créditos.

Em caso de dúvidas, ressalta o TJ, as pessoas podem entrar em contato pelo número 83991452283 ou no e-mail institucional geprec@tjpb.jus.br.

A gerente do setor de precatórios no Estado, Iria Guazzi Linden, ressaltou que nenhum servidor da Gerência de Precatórios entra em contato diretamente com credores para solicitar dados ou informar sobre pagamentos.

“Nunca forneçam dados pessoais a pessoas que solicitem por meio de ligações telefônicas e mensagens de WhatsApp. Procurem o advogado ou o setor para saber do andamento do processo”, observou.

Os golpes fazem frequentemente vítimas com o uso indevido, também, de nomes da classe política paraibana.

São incontáveis os casos onde prefeitos, deputados e outros agentes políticos denunciam que pessoas, sem autorização, usam perfil falsos nas redes sociais para pedir dinheiro.

É preciso, em todos os casos, redobrar a atenção.

 

Do Pleno Poder