Petistas aliados ao governador João Azevêdo, se reuniram na manhã desta segunda-feira (30) com o presidente do PSB na Paraíba, deputado federal Gervásio Maia, para articular o palanque de Lula na Paraíba e encaminhar ações a serem deliberadas com o objetivo de fortalecer o campo da esquerda para as eleições de 2022.

Com o racha dentro do Partido dos Trabalhadores na Paraíba, a reunião foi realizada na sede do PSB em João Pessoa. O grupo petista é contrário ao retorno do ex-governador Ricardo Coutinho, ainda PSB, ao Partido dos Trabalhadores.

“O ponto central da reunião foi primeiro manter uma frequência de diálogos para que seja feito a construção de uma unidade rumo ao alinhamento de ideias, não apenas no campo político, mas na pauta legislativa também, justamente em um momento difícil, com alta no desemprego, alta de preços nos alimentos, buscando investimentos na Saúde e em outros setores”, disse o deputado federal, Gervásio Maia ao ClickPB, nesta segunda-feira (30).

Sobre a vinda de Lula à Paraíba, Gervásio revelou que já existe uma construção para essa agenda ser realizada. “Em conversa com a presidente do partido Gleisi Hoffman, houve sim a confirmação da vinda dele, no entanto, a data não foi ainda confirmada”, explicou.

Na reunião realizada hoje, estiveram presentes os deputados Anísio Maia, Frei Anastácio, a ex-vereadora Sandra Marrocos e o pré-candidato ao Senado Charliton Machado.

Em sua rede social, Sandra disse que a agenda cumpriu o objetivo que é de articular também o palanque de Lula na Paraíba.

“Para fortalecer o Campo Democrático Popular, participei de um encontro com companheiros e companheira de luta do PT e PSB, entre estes: os deputados federais Gervásio Maia e Frei Anastácio, o deputado estadual, Anísio Maia, os companheiros Charliton Machado, Anselmo Castilho, Ninho e Edvan, e a companheira Gilcélia Figueiredo. Nela traçarmos estratégias para derrotar Bolsonaro e fortalecer a construção de um palanque amplo para Lula, na Paraíba”, disse.