A Pró-reitoria de Assistência e Promoção ao Estudante (Prape) da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) publicou, na última sexta-feira (13), o resultado final do processo seletivo para auxílios estudantis referentes ao semestre 2021.2.

Para efetivar o cadastro, entre os dias 16 e 20 de maio, os discentes que foram selecionados precisam assinar o termo de compromisso disponibilizado no Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas (Sigaa).

O processo seletivo foi aberto em dezembro de 2021 e, segundo a Coordenação de Assistência e Promoção ao Estudante (Coape), houve um aumento de 696 vagas, se comparado ao número projetado anteriormente previsto, que era de 1040 beneficiários.

Com isso, como explica o coordenador da  Coape, Igor Araújo, mais discentes estarão recebendo o apoio. “Tínhamos uma demanda muito grande e o aumento foi necessário. De 1040 vagas, conseguimos ampliar para 1736, ou seja, mais alunos foram contemplados”, disse o coordenador da Coape.

Sobre a ampliação do número de beneficiados, o Prof. Alfredo Rangel, Pró-reitor da Prape, comentou: “Nós percebemos que havia um número expressivo de estudantes em situação de vulnerabilidade social. Dentro disso, fizemos uma série de projeções e depois de muito esforço conseguimos a concessão de quase 700 auxílios estudantis”, disse o Pró-reitor.

“Essa ação é extremamente importante. Ela vem em boa hora, nessa fase de retorno às aulas presenciais, que aumentam a necessidade dos nossos estudantes e faz com que as ações de auxílio estudantil na UFPB sejam ainda mais efetivas e inclusivas”, analisou o Prof. Alfredo.

“Esta ação mostra a importância que a nossa gestão dá à assistência estudantil, que permite oferecer condições melhores para nossos estudantes. A UFPB quer e precisa seguir em outras frentes, sempre agindo para promover contextos de permanência proativa, que favoreçam o aprendizado e proporcionem o avanço da Instituição e das pessoas que a formam”, pontuou o Reitor, Prof. Valdiney Gouveia.

Ainda segundo a Prape, a data prevista para o recebimento do auxílio por parte dos estudantes é em julho, tendo em vista que os discentes receberão o referente ao mês de julho e o retroativo do mês de junho.

lista com nomes dos candidatos indeferidos, que não responderam às normas e condições estabelecidas pelo Edital 10-2021,  também foi divulgada no dia 13.

 

  • UFPB