Democracia “não se faz sem o absoluto respeito ao Poder Judiciário”. A afirmação é do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), durante evento organizado pelo Conselho da Justiça Federal (CJF), nesta quinta-feira (19).

“Sempre quero deixar claro o nosso compromisso com a democracia, com o estado de direito. E esse compromisso, definitivamente, não se faz sem o absoluto respeito ao Poder Judiciário, e é o que aqui eu gostaria de externar”, completou o presidente do Senado.

A fala se dá em meio a mais um momento de tensão entre os poderes Executivo e Judiciário. Ontem, o chefe do Executivo acionou a Procuradoria-Geral da República (PGR) para que o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes seja investigado por abuso de autoridade.

Na 3ª feira (17.mai), o presidente já havia acionado o STF pelo mesmo motivo. Contudo, o pedido foi engado.

SBT News