Em entrevista à rádio CBN nesta terça-feira (05), o governador da Paraíba, João Azevêdo (PSB), disse que o projeto de sua pré-candidatura à reeleição não é um projeto pessoal. João disse que foi implantada uma nova forma de fazer gestão na Paraíba, que tem um reconhecimento como uma gestão que traz resultados em todas as áreas.

“A pandemia nos obrigou a mudar o foco e o direcionamento de algumas ações do governo, mas não paramos durante o processo, o que nós pretendemos com a reeleição é concluir os nossos projetos em implantação e dar continuidade com novas ações no estado”, disse o governador.

Perguntado se há algum receio de que esteja perdendo o controle do processo de formação da chapa majoritária após os últimos anúncios, o governador disse que não se preocupa com isso, pois todas as decisões e anúncios que são expostos pelos seus aliados passam antes por reuniões internas, e desta forma não há uma perda de protagonismo. “Estamos montando uma política de diálogo e conversa”, justificou ele.

O governador não disse se a vaga de vice na sua chapa fica com o Progressistas, que ele já havia assegurado, ou com o Republicanos, que colocou alguns nomes para a vaga no último sábado. Sobre isso, João disse que a discussão está acontecendo de forma interna e que juntos com os aliados, estão trabalhando de maneira tranquila para apresentar a chapa aos à sociedade.

“Estamos discutindo diversas alternativas para encontrar o melhor caminho para que os aliados estejam contemplados e unidos pelo projeto”, concluiu.

 

Polêmica Paraíba