O suspeito de atirar contra uma mulher durante a festa de aniversário dela, em Campina Grande, se apresentou à Polícia nesta quinta-feira (13). O homem prestou depoimento e foi liberado. Leidjane Maria Silva, de 29 anos, chegou a ser socorrida mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Conforme a Polícia Civil, o suspeito se apresentou na companhia do advogado. Em depoimento, ele disse que a vítima o procurou para ver a arma e chegou a manuseá-la. Ele, porém, disse que havia retirado as munições. O homem também confessou que é proprietário da arma.

O crime aconteceu na última terça-feira (11). A vítima estava na casa de uma amiga quando tudo aconteceu. De acordo com a Polícia, algumas testemunhas já foram ouvidas e, segundo elas, o tiro teria sido acidental.

Ainda conforme as pessoas ouvidas, o suspeito não tinha a intenção de matar Leidjane.

t5