João se reúne com representantes da Marinha e discute ampliação do Porto de Cabedelo e obras da Ponte do Futuro

O governador João Azevêdo recebeu, nesta sexta-feira (16), em João Pessoa, a visita de cortesia do comandante do 3º Distrito Naval, Alexander Leite, e do capitão dos Portos da Paraíba, Ronaldo Miranda Júnior, ocasião em que o gestor apresentou investimentos no projeto Preamar e no Porto de Cabedelo, além da autorização de licitação para as obras da Ponte do Futuro.

Na ocasião, o chefe do Executivo estadual ressaltou as ações do Governo do Estado para ampliar as operações no Porto de Cabedelo. Ele também evidenciou a cooperação com universidades para implantação do projeto Preamar. “Nós entregamos a dragagem do Porto de Cabedelo, um investimento de R$ 115 milhões de recursos do estado, que tem aumentado as nossas exportações e fortalecido a nossa economia. Além disso, estamos investindo R$ 10 milhões no Preamar para garantir a proteção de corais e criação de corais artificiais, além da realização de estudos sobre erosão com apresentação de soluções e alternativas para todos os pontos do nosso Litoral”, frisou.

O gestor também destacou o impacto do complexo rodoviário que ligará Cabedelo, Santa Rita e Lucena – a Ponte do Futuro, que viabilizará uma retroárea para o Porto de Cabedelo e impulsionará o turismo e a economia da região.

Por sua vez, o comandante do 3º Distrito Naval, Alexander Leite, agradeceu a receptividade do governador João Azevêdo e destacou a importância dos investimentos no Porto de Cabedelo e na Ponte do Futuro. Ele também convidou o gestor para conhecer o maior navio de guerra da Marinha, que deverá atracar no Porto em março.

“A chegada do navio Atlântico na Paraíba é um momento significativo para nós. Ainda dialogamos e apresentamos ao governador um projeto de cultura oceânica que trata da mentalidade marítima e o nosso objetivo é fazer a sociedade conhecer o mar, que vai além do lazer”, comentou o comandante.

Também participaram da reunião o capitão-tenente Eduardo Palmeira de Mello; o presidente da Sociedade Amigos da Marinha (Soamar), Marcos Souto Maior Filho; e o assessor de gabinete do capitão dos Portos, Fideles Santos.