Novo mês da promessa e esperança

 

“São as águas de março fechando o verão
É promessa de vida no teu coração”
Águas de março – Tom Jobim

NOVO MÊS DE PROMESSA E ESPERANÇA

O verso acima faz parte de uma produção musical do nosso querido e inesquecível Tom Jobim, ele produziu essa letra no momento em que ele acompanhava a construção da sua casa em Poço Fundo, a obra era para ser concluída em fevereiro e devido a atrasos, pode ser concluída depois do mês de fevereiro, diante dessa situação do atraso da obra, as chuvas de março chegaram e Tom Jobim, narra essa situação de chuvas, ladeiras, barros em forma de poema e mais tarde esse poema foi transformado em notas musicais e muitos conhecemos a música Aguas de Março; vale destacar que uma pesquisa feita por um jornal de São Paulo, em 2001, com jornalistas, músicos e artistas de todo o Brasil, elegeu Aguas de Março, composta em 1972, como a melhor canção brasileira de todos os tempos.

O que aprendemos com esse lindo poema?

Hoje no último dia do mês de fevereiro/24, as águas de março fecham um ciclo e traz a promessa de vida como diz o refrão da música e a esperança se renova com o fim de um ciclo e início de outro ciclo e a Bíblia sagrada nos inspira através do livro de Lamentações capítulo 10:22-23 “Graças ao grande amor do Senhor é que não somos consumidos, pois as suas misericórdias são inesgotáveis. Renovam-se cada manhã; grande é a sua fidelidade”

1) Vamos aprender a gerenciar nossas expectativas, trazendo-as mais próximas a nossa realidade;
2) Vamos firmar nossa esperança em algo que foi baseado em promessas ou visibilidade de se tornar real;
3) Vamos aproveitar melhor o momento em que vivemos, entendemos que muitas vezes a vida é frágil, mas sobre nós há a esperança de todos os dias mesmo que enfrentemos as chuvas, tempestades, há uma promessa sobre nós as misericórdias, a solidariedade do nosso Deus criador é sobre nós e todos os dias a sua fidelidade o seu compromisso de cuidar de nós todas as manhas se renovam.
4) Enquanto estamos no processo de construção vamos olhar para as promessas de vida e as boas sementes crescendo em nosso coração e nos moldando a sermos e esperarmos o melhor sempre.

Vamos pensar nisso e receber o novo mês com a certeza que trará e nos fara melhores.

Edite Fidelis