Terceiro óbito por dengue é registrado em 2024 na Paraíba e casos prováveis já passam de 2 mil no estado

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) confirmou, nessa quinta-feira (29), a terceira morte por dengue na Paraíba em 2024. De acordo com o boletim, a vítima foi um homem de 60 anos, da cidade de Campina Grande. Conforme apurado pelo Portal Diário, o paciente foi atendido em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Campina Grande com o estado já avançado da doença.

Os outros dois casos já registrados são das cidades de Camalaú e Conde, respectivamente. Em Camalaú foi uma jovem de 24 anos e em Conde a vítima foi uma mulher de 42 anos.

Na última terça-feira (27) a SES também divulgou a primeira morte neste ano ocasionada pela chikungunya. Um homem de 57 anos da cidade de Sapé apresentava uma doença pré-existente, a hepatopatia, e teve exame IGM positivo para a doença que a levou ao óbito.

Ao todo, até o momento são 4 mortes por arboviroses este ano na Paraíba. Conforme a SES, outros três óbitos estão em investigação, sendo um para dengue e dois para chikungunya.

A Secretaria informa ainda que em 2024 já foram registrados 2.349 casos prováveis de arboviroses no Estado, sendo 2.083 casos de dengue, 250 de chikungunya e 16 de zika.

PORTAL DIÁRIO