Justiça da Espanha concede a Daniel Alves liberdade provisória sob fiança de 1 milhão de euros

Justiça da Espanha concede a Daniel Alves liberdade provisória sob fiança de um milhão de euros. O ex-jogador está preso desde janeiro de 2023 e foi condenado a quatro anos e meio de prisão por agressão sexual. A advogada Ester García, que representa a vítima, afirmou em entrevista à rádio catalã RAC 1 que irá recorrer da decisão: “Está sendo feita justiça para os ricos”, disse.

Segundo informou o jornal La Vanguardia, da Espanha, o ex-jogador já recorreu ao pai de Neymar para fazer o pagamento da fiança. A liberdade provisória deve respeitar alguns critérios, como a entrega dos passaportes para impedi-lo de fugir do país e o seu comparecimento semanal ao Tribunal.

Daniel Alves também deve manter distância de um raio de mil metros da casa da jovem, de seu local de trabalho e de qualquer outro lugar que ela frequente.