Esposa de jogador brasileiro bate Ferrari avaliada em mais de R$ 1 milhão

Heidy Vieira colidiu o veículo, avaliado entre R$ 1,17 e R$ 1,37 milhão, com uma cerca metálica

A esposa do jogador brasileiro Dyego Souza bateu com uma Ferrari Portofino nesta terça-feira (30), em Madri, na Espanha. Heidy Vieira colidiu o veículo com uma cerca metálica. A informação é do jornal espanhol El Mundo.

O carro é avaliado entre R$ 1,17 e R$ 1,37 milhão e está no nome do jogador do Alcorcón, da segunda divisão espanhola. A condutora, de 40 anos, testou positivo no teste de bafômetro, apresentando o dobro da taxa permitida. Ela vai ser investigada por crime contra a segurança rodoviária.
Um amigo do casal tentou se passar pelo condutor da Ferrari, mas as câmeras comprovaram que era ela quem estava na direção.

O veículo sofreu graves danos em sua parte dianteira. O para-choques, por exemplo, ficou completamente solto, com os suportes amassados e vários fragmentos no chão; além de vários amassados no capô.

Apesar dos danos na Ferrari, nenhum dos ocupantes se feriu no acidente. A brasileira será julgada em maio.

Dyego chegou ao local pouco depois do incidente, dirigindo uma Mercedes. O atleta chegou a jogar na base do Palmeiras e passou por clubes como Operário-PR, Braga, Schenzhen, Benfica e Almería. Ele se naturalizou português e atuou na seleção do país entre 2019 e 2020.

Notícias ao Minuto[Modelo do Ferrari Portofino]© Reuters / Ralph Orlowski

POR FOLHAPRESS