Hamas propôs cessar-fogo para adiar operação militar em Rafah, diz Netanyahu

Benjamin Netanyahu, afirmou que a oferta de cessar-fogo do grupo terrorista Hamas é uma tentativa de impedir a operação militar.

O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, afirmou nesta terça-feira (7) que a oferta de cessar-fogo do grupo terrorista Hamas é uma tentativa de impedir a operação militar israelense na cidade de Rafah, no sul da Faixa de Gaza.

“A oferta do Hamas tinha o propósito de atrapalhar a entrada das nossas forças em Rafah”, afirmou o primeiro-ministro em um vídeo, segundo o jornal “Times of Israel”. Ele afirmou também que os termos da proposta feita na segunda-feira são muito “brandos”.

As Forças de Defesa de Israel (FDI) fizeram uma operação militar por terra na região leste da cidade de Rafah, no sul da Faixa de Gaza nesta terça-feira (7).

Por ClickPB