Paraibanos formam longas filas no último dia para regularizar título de eleitor

Longas filas no Espaço Cultural são formadas no último dia da regularização do título de eleitor. TV Cabo Branco/TV Reprodução

Todo mundo que chegar até 18h vai ter o atendimento garantido, com distribuição de senhas.

Acaba nesta quarta-feira (8) o prazo para resolver pendências com a Justiça Eleitoral antes das eleições municipais de outubro. Em João Pessoa, por causa da alta demanda e das longas filas, o atendimento acontece no Espaço Cultural José Lins do Rêgo, com equipe ampliada. Já em Campina Grande, o atendimento acontece na sede da Justiça Eleitoral na cidade. Por causa da grande procura, alguns eleitores chegaram aos locais de atendimento de madrugada para garantir um bom lugar na fila. E, em muitos locais, as chuvas tornaram o processo ainda mais penoso.

São três os públicos alvos que precisam comparecer presencialmente

  • Eleitores que vão tirar o título de eleitor pela primeira vez
  • Eleitores que estão com o título de eleitor suspenso por não ter votado em três eleições consecutivas
  • Eleitores que não têm coleta biométrica realizada e desejam transferir o seu título de eleitor

Para Alice Coelho, que é a coordenadora da Central de Atendimento ao Eleitor (Cenatel) do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba, a grande procura no último dia de prazo já era esperada, mas ainda assim surpreendeu os técnicos do órgão. E isso está se repentindo em diferentes municípios paraibanos. “É aquele velho hábito do brasileiro de sempre ir postergando os seus problemas para o último momento, apesar de todos os chamamentos que a gente fez com bastante antecedência”, comentou.

Alice Coelho, coordenadora da Central de Atendimento ao Eleitor do TRE-PB. TV Cabo Branco/Reprodução

Ela disse que todos os eleitores que estiverem na fila vão ser atendidos e que por volta das 18h ou 19h vão ser disponibilizadas senhas para quem já estiver na fila. De acordo com a coordenadora, o serviço vai se prolongar pela noite para garantir que todo mundo seja de fato atendido.

Hoje é dia de paciência. Paciência do eleitor, paciência dos atendentes. Porque os trabalhos devem entrar noite adentro.

Alice Coelho – coordenadora da Central de Atendimento ao Eleitor
Alice Coelho, contudo, alertou que muitas pessoas que estão na fila não precisariam estar lá. E lembrou que algumas demandas podem ficar para depois ou podem ser feitas pela internet. Por exemplo, ela disse que aqueles eleitores que não têm a biometria porque tiraram os seus títulos durante a pandemia de Covid-19, mas que já votaram nas eleições de 2022, podem ficar tranquilas. “Eles já votaram numa eleição e vão continuar votando. Então, passado esse momento, passado essa eleição, podem vir no ano que vem e têm mais um ano e meio para registrar a biometria. Não precisam estar aqui nesse sofrimento”.Ademais, ela pontuou que quem já tem a biometria registrada e precisa transferir o título de eleitor ou mudar o cadastro eleitoral, pode fazer isso pela internet, pelo portal do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
 

Fonte: Jornal da Paraíba