Adolescente de 13 anos morre de gripe suína em hospital de Patos

Adolescente se chamava Ana Raquel. Por conta da morte pela gripe suína, Ana Raquel não teve velório. Ela foi levada para Picuí e o corpo sepultado por volta das 5h desta quinta-feira.

Uma adolescente de 13 anos, natural de Picuí, morreu nessa quarta-feira (15) dias após ficar internada por H1N1, popularmente conhecida como gripe suína. A vítima tinha 13 anos e estava internada no Hospital Infantil Noaldo Leite, em Patos, no Sertão do estado.

A adolescente se chamava Ana Raquel. Ela era aluna da Escola Municipal de Ensino Fundamento Severino Ramos da Nóbrega. A morte foi confirmada após a Secretaria de Educação de Picuí emitir uma nota lamentando o ocorrido.

Por conta da morte pela gripe suína, Ana Raquel não teve velório. Ela foi levada para Picuí e o corpo sepultado por volta das 5h desta quinta-feira (16).

A assessoria de comunicação da Secretaria de Saúde do Estado alegou que exames comprovaram que a adolescente teve Influenza A, sem identificação da subtipagem. A morte segue sendo investigada.

“Foi uma adolescente, sexo feminino, 13 anos, faleceu no Hospital Infantil Noaldo Leite. Tem Swab coletado e positivo para influenza A, mas não foi identificado ainda a subtipagem. É um óbito em investigação.

Sintomas da gripe que matou a adolescente:

A gripe H1N1, também é conhecida como gripe suína porque afetou porcos no mesmo período em que humanos. A doença causa uma forte gripe que, se não tratada, causa complicações graves.

Os principais sintomas da H1N1 são: febre, tosse, coriza, dor de garganta, dor muscular, dor de cabeça, mal-estar, irritação dos olhos, falta de apetite, falta de ar, calafrios, cansaço e fadiga, vômitos, náuseas e diarreia.

Por ClickPB