Semana Oceânica apresentará potencialidades do turismo náutico na Paraíba

Imagem: Reprodução

Com o apoio da Empresa Paraibana de Turismo (PBTur) e da Secretaria de Turismo e Desenvolvimento Econômico da Paraíba (Setde), acontece no dia 10 de junho, às 9h20, no auditório da PBTur, o lançamento do livro “As navegações no Extremo Oriental das Américas: 1850-1950”. Essa iniciativa faz parte da Semana Oceânica, que ocorre de 8 a 16 de junho, com o objetivo principal de estabelecer um fórum de discussão aberta e colaborativa entre os municípios costeiros, o setor privado, organizações da sociedade civil e instituições acadêmicas em prol da preservação e uso sustentável dos recursos marinhos.

Ainda no dia 10, o presidente da PBTur, Ferdinando Lucena, também trará para o debate o tema “Paraíba: um oceano de oportunidades no turismo”, mostrando como potencializar o turismo de forma sustentável.

A Semana Oceânica congrega pessoas em torno da ciência, educação, turismo, esporte, cultura e empreendedorismo, todos com foco voltado para o mar. Durante o evento, diversas atividades serão realizadas para engajar a comunidade e promover uma conscientização mais profunda sobre os desafios e oportunidades relacionados aos ecossistemas marinhos.

No dia 12 de junho, a partir das 13h30, na sede da PBTur, Marinez Eymael Garcia Scherer, coordenadora-geral do Gerenciamento Costeiro do Ministério do Meio Ambiente e Mudanças Climáticas (MMA), explanará sobre Planejamento Espacial Marinho. A iniciativa contará com a presença de gestores municipais.

Segundo Karina Massei, representante do Grupo de Apoio à Mobilização da Década do Oceano na região Nordeste, o evento foi concebido com o propósito de aproximar a sociedade dos temas atuais e das ações em andamento. “Durante a semana, serão debatidos assuntos como a espécie invasora conhecida como peixe-leão, o branqueamento dos corais causado pela anomalia térmica resultante do aquecimento das águas, as implicações do turismo náutico na segurança e conservação do ambiente, e ainda, práticas esportivas que promovem o bem-estar e têm como base a compreensão dos ventos. É um momento de união e consciência em prol de uma Paraíba Azul”, pontua.

Ferdinando Lucena, presidente da PBTur, destaca que a Semana Oceânica representa um esforço conjunto para fortalecer o vínculo entre as pessoas e o mar, reconhecendo-o não apenas como uma fonte de recursos, mas também como um elemento vital de nossa identidade cultural e ambiental. “O evento busca abrir diálogo para novas abordagens de turismo sustentável”, ressalta.

“Por meio da promoção da conscientização e da ação coletiva, este evento busca estimular transformações positivas que beneficiem tanto as gerações atuais quanto as futuras”, acrescenta Rosália Lucas, secretária de Turismo e Desenvolvimento Econômico.

Por PBTUR