Fortes chuvas provocam inundações na Flórida e colocam milhões sob alerta

0
10
Pessoas se deslocando em meio à inundações após chuvas torrenciais atingirem Hollywood, na Flórida. 12/06/2024  (Joe Raedle/Getty Images)

Enchentes bloquearam estradas, alagaram diversas casas e atrasaram voos

Várias áreas no sul da Flórida sofreram inundações repentinas na quarta-feira, 12, após chuvas torrenciais atingirem o estado no extremo sudeste dos Estados Unidos.

As inundações bloquearam estradas, alagaram diversas casas e atrasaram voos.

Parte da Interestadual 95, principal rodovia interestadual norte-sul na costa leste do país, foi fechada por causa das enchentes e a Patrulha Rodoviária da Flórida afirmou que a via não reabriria até que a água fosse drenada. O grande volume de água também impediu a decolagem de diversos voos no Aeroporto Internacional de Fort Lauderdale.

O Centro de Previsão do Tempo informou que o sul do estado está sob um raro nível máximo de alto risco de chuvas e inundações. Mais de 8 milhões de pessoas estão sob alertas de inundação nesta quinta-feira, 13, incluindo em Fort Lauderdale, Miami e Nápoles.

O governador da Flórida, Ron DeSantis, declarou estado de emergência para cinco condados: Broward e Miami-Dade na costa atlântica do estado e Collier, Lee e Sarasota na costa oeste. Os prefeitos de Hollywood, Fort Lauderdale e Miami-Dade também declararam estado de emergência local.

O Serviço Nacional de Meteorologia alertou para a possibilidade de novas inundações repentinas nesta quinta e sexta-feira devido à continuação das chuvas fortes pelo terceiro dia consecutivo. Mais 15cm de chuva devem cair em algumas áreas nos próximos dias.

“Inundações com risco de vida agora estão em andamento”, disse o serviço meteorológico de Miami em um comunicado nas redes sociais. “Por favor, fiquem longe das estradas e vão para um terreno mais alto.”

Temporada de furacões

As tempestades chegaram à Flórida na mesma época do início da temporada de furacões, que tem previsão de ser uma das mais ativas este ano devido às mudanças climáticas.

A Administração Nacional Oceânica e Atmosférica estima que há uma chance de 85% de que a temporada de furacões no Atlântico registre um número de tempestades e furacões muito acima da média. Foram previstos até 25 tempestades, 13 furacões e quatro grandes furacões para os próximos meses.

O Serviço Nacional de Meteorologia em Melbourn afirmou que um tornado EF-1 atingiu a cidade de Hobe Sound, na Costa Atlântica da Flórida na manhã de quarta-feira. Os fortes ventos forçaram o fechamento do acesso à Ilha de Júpiter e derrubaram diversas árvores.

Por Veja 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui