Restituição do IR 2024 terá consulta aberta ao segundo lote nesta sexta

0
9
Declaração de Imposto de Renda pode ser feita até esta terça-feira (Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil)

A Receita Federal vai abrir a consulta ao segundo lote de restituição do Imposto de Renda 2024 nesta sexta-feira (21), a partir das 10h. O pagamento será feito na outra sexta-feira (28) para 5,7 milhões de contribuintes, no valor de R$ 8,5 bilhões. A consulta é feita pelo site da Receita.

Maior parte desse lote contempla quem tem prioridade para receber a restituição. O calendário de pagamentos da restituição é dividido em cinco lotes, e os primeiros deles se referem a prioridades legais. As pessoas que fazem parte dessas prioridades recebem primeiro.

140.360 contribuintes idosos acima de 80 anos
1.024.071 entre 60 e 79 anos
66.287 com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave
459.444 têm como maior fonte de renda o magistério
3.812.767 utilizaram a declaração pré-preenchida ou optaram por receber a restituição via Pix
252.738 receberam antes em razão do estado de calamidade decretado no Rio Grande do Sul (RS)

O fim do prazo para a entrega da declaração foi em 31 de maio, menos para os contribuintes de 399 cidades gaúchas, que poderão entregar o documento até o dia 30 de agosto.

Quem não estiver entre os contemplados deste segundo lote ainda terá a oportunidade de receber a restituição em outras rodadas de pagamento a serem desembolsadas.

Cronograma das restituições

31 de maio
28 de junho
31 de julho
30 de agosto
30 de setembro

Como consultar o primeiro lote

Para saber se o contribuinte está no primeiro lote, acesse a página da Receita na internet (www.gov.br/receitafederal)
Clique em “Meu Imposto de Renda”
Em seguida, clique em “Consultar a Restituição”
Preencha com o CPF, data de nascimento e o ano do Imposto de Renda, que é 2024

Como é feito o pagamento

O pagamento da restituição será realizado ao longo do dia 28 de junho, na conta bancária informada na declaração de Imposto de Renda, de forma direta ou por indicação de chave Pix.

Os valores ficarão disponíveis para resgate por até um ano no Banco do Brasil. Neste caso, o contribuinte pode reagendar o crédito dos valores pelo Portal BB (https://www.bb.com.br/irpf) ou pela Central de Relacionamento BB pelos telefones 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades), e 0800-729-0088 (exclusivo para deficientes auditivos).

Se o contribuinte não resgatar o valor de sua restituição no prazo de um ano, deverá requerê-lo pelo Portal e-CAC, disponível no site da Receita Federal, acessando o menu Declarações e Demonstrativos > Meu Imposto de Renda e clicando em “Solicitar restituição não resgatada na rede bancária”.

 

Por: R7.com

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui