Operação cumpre mandados contra quadrilha de roubo de carros comandada por presidiários na Paraíba

0
404
Imagem: Reprodução

A operação ‘Klon’ está sendo desencadeada por meio da Delegacia de Roubos e Furtos e Veículos e Cargas (DRFVC).

Uma operação deflagrada na manhã desta quarta-feira (03) pela Polícia Civil na Paraíba está cumprindo mandados contra uma quadrilha especializada em roubo e clonagem de veículos.

A operação ‘Klon’ está sendo desencandeada por meio da Delegacia de Roubos e Furtos e Veículos e Cargas (DRFVC).

São 23 mandados expedidos pela justiça que devem ser cumpridos ao longo da operação.

Entre os mandados, 12 são de prisão e 11 de busca e apreensão.

Os inquéritos e cautelares tramitaram na 6ª Vara Criminal e 2ª Vara de Entorpecentes da Capital.

Os mandados, segundo a Polícia, estão sendo cumpridos nos seguintes municípios: João Pessoa, Campina Grande, Conde e Lucena.

Segundo as investigações, a quadrilha também atuava na adulteração de sinais de identificação veicular, falsificação de documentos públicos, receptação, lavagem de capitais e Organização Criminosa.

Várias armas e muita droga crack, skank e cocaína) foram apreendidas até o momento.

Participação de presos

Alguns dos principais componentes da organização criminosa, segundo a investigação, eram presidiários que enviavam suas ‘ordens’ diretamente das casas de detenção espalhadas pelo estado.

Ainda de acordo com as informações obtidas pela reportagem, os presidiários chegavam a ‘recrutar’, de dentro das unidades prisionais, integrantes para a quadrilha.

Modo de operação

Segundo a Polícia, os veículos então eram “clonados” usando como parâmetro dados de outros veículos de origem lícita de mesmas marca, modelo, ano e cor.

Em seguida, os investigados criavam perfis em plataformas de vendas on line e negociavam os veículos com terceiros de boa-fé.

Em alguns casos, os criminosos marcavam novo encontro com o comprador para supostamente entregar a chave reserva. Na ocasião, roubavam novamente o veículo.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui