Hotel será demolido no Centro de João Pessoa para abrigar Defensoria

0
564
Imagem: Reprodução

Veja onde fica o imóvel e o porquê da demolição

O prefeito de João Pessoa, Cícero Lucena (PP), assinou ontem uma ordem de serviço para demolir o imóvel onde um dia funcionou o Hotel Tropicana, no Centro da Capital. A iniciativa é uma parceria com a Defensoria Pública do Estado, que pretende voltar funcionar no local após a construção de uma nova sede.

O Tropicana foi inaugurado em 1976 e funcionou até 1986, quando teve suas atividades encerradas.

Em 1993, a Defensoria Pública passou a funcionar nas instalações do hotel, onde permaneceu até 2001. Em 2013 foi ocupado pelo Movimento Tijolinho Vermelho e em 2017 cedido à Universidade Estadual da Paraíba.

Em 2018 o prédio voltou para a Defensoria Pública por meio de um termo de cessão de uso pela Superintendência do Patrimônio da União (SPU).

Para a defensora pública-geral da Paraíba, Madalena Abrantes, este é um marco histórico para a instituição, que há muito tempo luta para melhorar o atendimento aos seus assistidos.

“A Defensoria cresceu muito nos últimos anos, não só pelo aumento de usuários, mas também com a implantação de núcleos especializados de atendimento a grupos vulnerabilizados”, assinalou Abrantes.

A demolição e posterior recuperação do imóvel faz parte de uma série de iniciativas planejadas pelo município para recuperar a área central da Capital. O hotel está abandonado há tempos…

 

Por Jornal da Paraíba 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui