“Foi uma perda muito grande”, desabafa oposicionista sobre adesões de colegas à base de João, na ALPB

single-image

‘Um baque’, essa pode ser a definição mais adequada as recentes adesões dos deputados estaduais Raniery Paulino (MDB) e Eduardo Carneiro (PRTB) a base de sustentação do governador João Azevêdo (Cidadania) na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), quem admitiu ontem (29), esse impacto foi o deputado estadual e pré-candidato a prefeito de Campina Grande Tovar Correia Lima (PSDB).

“É inegável, foi uma perda muito grande. Foi algo inesperado, abrupto, mas a gente precisa tomar as decisões”, disse Tovar, destacando que haverá uma reunião para discutir “a recomposição da bancada de oposição”.

possibilidade de gestão bolsonarista em JP
Primeiro foi o deputado Raniery Paulino (MDB) que migrou para o bloco de sustentação do chefe do Executivo estadual no último dia 23, cuja aproximação surpreendeu não só seus colegas de Casa, mas todos ligados à seara política do estado. Raniery erá o líder da oposição, ontem (29), foi à vez do vice-líder da oposição Eduardo Carneiro (PRTB) aderir à base. Circula nos bastidores que grande parte da articulação política dessas adesões estaria sendo feita a partir de um político campinense com mandato no Senado Federal.

Integram a oposição apenas os deputados:

Anderson Monteiro (PSC)

Manoel Ludgério (PSD)

Tovar Correia Lima (PSDB)

Galego Souza (PP)

Doutora Paula (PP)

Camila Toscano (PSDB)

Cabo Gilberto (PSL)

Moacir Rodrigues (PSL)

Walber Virgolino (Patriotas)

PB Agora

Deixe seu comentário