Policiais do 4° BPM prendem dois homens suspeitos de violência doméstica e estupro de vulnerável

single-image

Policiais do 4° BPM (Batalhão de Polícia Militar) prenderam, na noite dessa quinta-feira (12) dois homens, um deles suspeito de violência doméstica e outro de estupro de vulnerável. A primeira prisão aconteceu na cidade de Belém, no Sítio Gameleira, onde a vítima informou que há cerca de 30 dias vinha sofrendo ameaças de morte por parte do companheiro, motivadas por ciúmes. A guarnição comandada pelo tenente Valdir foi até o local e manteve contato com a vítima, que relatou que naquela noite o companheiro chegou na residência com sinais de embriaguez alcoólica e voltou a ameaçá-la e chegou a atear fogo em uma mala de viagem pertencente a ela. Diante da confirmação fas denúncias, os policiais conduziram ambos à delegacia.

No Sítio Cantinhos, zona rural do município de Pilões, um homem foi preso por estupro de vulnerável de uma mulher com problemas mentais. A vítima, de 40 anos, deu entrada na UPA de Guarabira com sangramento e revelou ter sido molestada sexualmente pelo suspeito. O Copom, ao ser informado, acionou a guarnição de Pilões comandada pelo cabo Wellington que, com o apoio da guarnição da Força Tática comandada pelo cabo Gomes, que localizou o suspeito e o conduziu à delegacia em Guarabira. Ele negou a autoria do crime e falou que a vítima possui problemas mentais e, por isso, o teria acusado. A vítima foi medicada e, após liberada, foi encaminhada para a delegacia.

EM GUARABIRA – À tarde, no Bairro Novo, o Copom recebeu uma denúncia de que havia um homem embriagado fazendo ameaças à própria mãe e solicitou que uma viatura fosse até o local para averiguar a situação. A guarnição comandada pelo cabo Rogério foi ao local e, ao entrar em contato com a vítima, ela informou que todas as vezes que o seu filho consumia bebidas alcóolicas ficava agressivo e danificando os objetos da residência. Após ser preso, o suspeito foi conduzido à delegacia.

Deixe seu comentário