Radialista esportivo morre por Covid-19, em João Pessoa

single-image

O radialista esportivo João de Souza, de 73 anos, morreu neste domingo (28), após contrair Covid-19, em João Pessoa. De acordo com a família, João estava internado na UTI do Hospital Santa Isabel desde quinta-feira (25).

João, que tinha mal de Parkinson, apresentou cansaço, e deu entrada em um hospital particular no dia 21. Na quinta-feira (25), foi transferido para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Santa Isabel mas não resistiu às complicações da doença e morreu no domingo (28).

Cronista esportivo, João de Souza Sobrinho era paraibano e trabalhou por 20 anos na Rádio Tabajara, do Governo do Estado. Foi chefe do Departamento de Esportes da rádio, representou o estado em quatro coberturas de Copa do Mundo: México (1986), Itália (1990), Estados Unidos (1994) e França (1998), além de em cinco finais de Libertadores.

“Tio João era a pessoa mais positiva e alto astral que eu já conheci, sempre alegre e sorridente com todos ao seu redor, amava o esporte, um pai e marido exemplar. Essa morte dele mexeu muito com todos da família”, disse Hellen Chaves, sobrinha de João.

Na imprensa paraibana, João de Souza também presidiu a Associação dos Cronistas Esportivos da Paraíba (Acep). Ele deixa esposa e dois filhos.

G1

Deixe seu comentário