SMS em João Pessoa oferece vacina antirrábica humana em caso de ataques de animais

A raiva humana é uma doença séria, com alto índice de mortalidade. Sua transmissão acontece por meio de contato com saliva de mamíferos infectados, como gatos, cachorros e morcegos. A vacinação antirrábica de animais domésticos, que tem acontecido em vários pontos da Capital, tem ajudado a controlar a doença nos seres humanos. Além disso, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) também oferece a vacina antirrábica humana, em casos de acidentes e ataques de animais.
Segundo o chefe de Imunização da SMS, Fernando Virgolino, ao sofrer algum ataque de animal, seja ele conhecido ou de rua, é muito importante que a pessoa procure o quanto antes o serviço de referência, que é o Centro Municipal de Imunizações (CMI). “Ao chegar no Centro, o ferimento será avaliado pelo profissional de acordo com os protocolos do Ministério da Saúde. Tudo é levado em consideração, o tipo de animal, tamanho e local do ferimento, para que a vacina e o soro, se necessário, sejam ministrados da forma correta”, explicou.
O Centro de Imunizações, fica no bairro da Torre e funciona de segunda a sexta, das 8h às 16h, e no sábado e feriados das 8h às 12h, também oferece a vacina para profissionais que lidam com animais diariamente, como veterinários e funcionários de pet shop.
Dados – Segundo uma Revisão Epidemiológica feita no entre os anos 2000 e 2017, ocorreram 188 casos de raiva humana no Brasil. Na Paraíba, em 2020, houve um caso notificado, de uma mulher de 68 anos, mordida por um animal, que por ser silvestre, não era vacinado.
Em João Pessoa, não há notificações recente de casos. O Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) vem trabalhando todos os anos na campanha antirrábica para que os animais domésticos sejam vacinados e assim, não colocar a população em risco.
Vacinação antirrábica – A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de João Pessoa já imunizou 49.471 animais na Campanha de Vacinação Antirrábica. Do total de bichos vacinados, 34.533 são cães e 14.938 são gatos. O final da campanha será neste sábado (10), com o ‘Dia D’, que contará com mais de 100 postos de imunização distribuídos pelos bairros da Capital, além do posto fixo do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) do município, nos Bancários.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *