Por conta da ingratidão e falta de habilidade política da prefeita Joyce Ranale (MDB), um grupo de vereadores que a apoiou em sua reeleição, resolveu fazer-lhe oposição.

Segundo pude apurar, o vereador Gilvan Garcia de Carvalho(Guega), ex-presidente da Câmara, um dos mais injustiçados pelo grupo da prefeita, articulou todo o processo de eleição da Mesa Diretora, elegendo para o primeiro biênio o jovem vereador Carlinhos Filho; e para o segundo, Júnior de Oscar.

Com este resultado, evidenciou-se que a chefe do Executivo Municipal de Duas Estradas não terá facilidades em sua gestão pelos próximos quatro anos.

Ficou claro também a formação de uma nova força política na cidade, cujo sentimento é não aceitar a forma autoritária e desrespeitosa da prefeita em relação aos seus aliados.

Com este comportamento, Joyce conseguiu enfraquecer seu esquema político e dá munição para a formação e fortalecimento de um grupo de oposição ao seu governo, que não aceitará submeter-se às suas orientações políticas.

Com o Poder Legislativo independente e uma oposição coesa, forte e responsável, ganha o povo de Duas Estradas porque terá a garantia de uma legislatura mais atuante e vigilante na fiscalização e manuseio dos recursos públicos.

Heleno Teixeira