Um avião com um lote com 118.200 doses de vacinas contra a Covid-19 chegou no Aeroporto Internacional dos Guararapes/Gilberto Freyre, na Zona Sul do Recife, neste domingo (7). O voo AD 4029, operado pela Azul Linhas Aéreas, saiu de Guarulhos, em São Paulo, às 8h10 e chegou à capital pernambucana às 10h58, 22 minutos antes do previsto.

As vacinas fazem parte de um lote de 2,9 milhões de doses da CoronaVac liberados pelo Instituto Butantan, que desenvolve o imunizante junto à farmacêutica chinesa Sinovac.

De acordo com o governo de Pernambuco, as doses serão destinadas à continuidade da vacinação de trabalhadores de saúde, para primeiras e segundas doses. Atualmente, no estado, são imunizados profissionais da linha de frente no combate à Covid-19, idosos com mais de 85 anos, idosos que moram em asilos, indígenas aldeados e pessoas com deficiência institucionalizadas.

A Secretaria Estadual de Saúde (SES) afirmou que a distribuição das novas doses começa na segunda-feira (7) e, pela primeira vez, dois aviões serão utilizados para levar a vacina até o interior. Sete caminhões também ficarão responsáveis por fazer a distribuição. A previsão é de que, até o meio-dia, todas as cidades do estado tenham os imunizantes disponíveis.

Este é o quarto lote de vacinas a chegar a Pernambuco, sendo o terceiro de CoronaVac. Atualmente, o estado já recebeu 427.560 doses desse tipo de vacina. O segundo lote a chegar no estado foi de foi de 84 mil doses da vacina Oxford/AstraZeneca, utilizadas para imunizar idosos maiores de 85 anos.

A estimativa do governo do estado é de que, com as novas doses, será possível atingir 60% dos profissionais de saúde que compõem o grupo prioritário para recebimento da vacina, que totalizam cerca de 294 mil pessoas.

Balanço da vacinação
Até o sábado (6), Pernambuco aplicou 191.702 doses de vacinas contra a Covid-19. Desse total, 2.527 são referentes à segunda dose do imunizante. De acordo com o governo do estado, das mais de 189 mil pessoas vacinadas com a primeira dose, 105.614 foram trabalhadores de saúde (desses 2.527 já tomaram a segunda dose).

Com isso, cerca de 90% dos 117.638 trabalhadores contemplados com a vacina até este momento já tomaram a primeira dose do imunizante.

Também já estão imunizados, apenas com a primeira dose, 74,4%% dos 75.159 idosos com mais de 85 anos (55.948 doses aplicadas). Entre a população indígena aldeada, a vacinação alcançou, hoje, 22.350 dos 26.729 indígenas (83,6%).

Já a entre os idosos em asilos (2.462 pessoas) e pessoas com deficiência institucionalizadas (130 pessoas), o número de doses aplicadas alcançou 190% (4.686) e 444% (577) do total, respectivamente.

G1