Foi publicado na noite desta quarta-feira, dia 24, o decreto nº 08/2021 com estabelecendo novas medidas de enfrentamento e prevenção à pandemia causada pela Covid-19 (SARS-COV-2) no município de Lagoa de Dentro, no agreste paraibano.

 

No novo decreto que foi discutido amplamente pela secretaria de saúde do município e o prefeito Zezinho da Rapadura, ficam determinadas algumas restrições para o funcionamento de bares, restaurantes, lanchonetes e similares, além da restrição de circulação de pessoas em vias públicas em determinado horário.

“Fica determinada a restrição de locomoção noturna, vedados a qualquer indivíduo a permanência e o trânsito em vias, equipamentos, locais praças públicas, das 22h00 às 05h00, de 24 de fevereiro até 10 de março de 2021.”

Também ficou estabelecido que a, restaurantes, bares e assemelhados, devem encerrar suas atividades até as 16h00. Já Supermercados, lanchonetes e lojas de conveniência podem funcionar até as 21h00, sendo vedado a venda de bebidas alcoólicas a partir das 16h00.

No decreto ainda fica estabelecido à proibição total de eventos sociais ou corporativos, de forma presencial, tais como congressos, seminários, encontros científicos, festas, paredões de som, shows, casamentos ou assemelhados, em casas de recepções, casas de festas, bares, restaurantes, ambientes públicos fechados ou abertos, espaços de dança, praças, praias, etc, enquanto estiver em vigor o presente decreto.

O uso de mascara passa a ser obrigatório em todo o âmbito do município, seja em espaços públicos e privados. O comercio também deve disponibilizar recipientes com álcool em gel ou líquido 70%. Também fica estabelecido que os estabelecimento devem funcionar com apenas 50% da sua capacidade, observando as normas de distanciamento social, restringindo até ao máximo de quatro pessoas por mesa.

Ficam proibidas também a realização de apresentações musicais em bares e restaurantes e ou a transmissão audiovisual de eventos esportivos enquanto o decreto estiver em vigor.

Confira a íntegra do decreto AQUI