O governador da Paraíba, João Azevêdo (Cidadania), decretou neste sábado (6) luto de três dias pela morte do ex-senador, ex-vice-governador e empresário José Carlos da Silva Júnior.

 
 

O decreto publicado no Diário Oficial aponta que “os pavilhões nacional e estadual devem ser hasteados à meia-verga, em todos os estabelecimentos públicos estaduais, da administração direta e indireta, durante o período do luto”.

Presidente do Grupo São Braz e proprietário das TVs Cabo Branco e Paraíba, José Carlos morreu ontem em decorrência da Covid-19. Ele estava internado no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, e sofreu uma parada cardiorrespiratória.