Na madrugada desta segunda (08), Tático I estava em rondas pelo bairro Areal em Mamanguape quando visualizou uma mulher em frente a uma casa bastante conhecida pois segundo as informações lá funcionaria uma “boca de fumo”.

 

No momento em que a Guarnição Tática ia passando a suspeita estava pegando um pacote, sendo assim procederam uma abordagem e na sacola da mesma foi encontrado 29 trouxinhas aparentando ser Crack, o dono da residência ao perceber a abordagem tentou fugir para o interior da casa, porém foi alcançado e com ele foi localizado mais 18 pedrinhas semelhantes ao Crack, no entanto o mesmo disse que as drogas seriam de um terceiro também muito conhecido no mundo do tráfico. Logo a Equipe Tática foi até o local, o acusado ainda tentou pular o muro e jogar os “produtos”, porém foi alcançado e detido pelos policiais, durante as buscas na residência acharam um boa quantidade de entorpecentes: 04 sacos plásticos menores e 01 maior contendo substâncias análogas à Cocaína, 02 sacos contendo uma substância idêntica a Skank, 02 tabletes grandes e 01 menor aparentando serem maconha, além de dinheiro trocado que somados dão uma quantia de 210,00 Reais em notas e 81,10 em moedas, além de Celulares e um caderno contendo as anotações do tráfico.

Diante da situação foi dado voz de prisão ao acusados e tanto eles quanto todo material apreendido foram conduzidos para delegacia de Mamanguape onde foram feitos os procedimentos cabíveis ao caso.

2ª CIPM – TENENTE-CORONEL PM JOSÉ CASTOR DO REGO

Seção de Comunicação e Marketing Institucional, P/5