Quatro pessoas morreram e uma ficou gravemente ferida em uma clínica para pessoas com deficiência perto de Berlim, e uma funcionária do estabelecimento foi detida, informou a polícia local.

Os ferimentos apresentados pelas vítimas “são o resultado do uso de violência intensa, extrema”, afirmou a polícia em um comunicado, que não revela os detalhes sobre as circunstâncias das mortes.

As quatro vítimas fatais foram encontradas durante a noite em seus quartos da clínica de Potsdam, cidade vizinha de Berlim.