A guerra de mísseis, foguetes e ataques aéreos entre Israel e palestinos entrou em seu terceiro dia nesta quarta-feira (12), e o número de mortos nos confrontos subiu para 55.

O maior conflito na região em anos já deixou 49 vítimas na Faixa de Gaza desde segunda-feira (10), segundo o Ministério da Saúde do enclave palestino, e seis em Israel, dizem autoridades médicas israelenses.

Quase 300 pessoas ficaram feridas em território palestino, incluindo 86 crianças e 39 mulheres. Entre os mortos estão 13 crianças e cinco israelenses, segundo a agência de notícias France Presse.

Entre as vítimas israelenses estão três mulheres e uma criança e dezenas de feridos.

Israel realizou centenas de ataques aéreos em Gaza nesta quarta, e militantes palestinos dispararam vários foguetes contra Tel Aviv, capital e segunda cidade mais populosa de Israel, e em Beersheba, no sul do país.