Brasil completa neste sábado,  seis meses do início da vacinação contra a Covid-19 com 15,7% da sua população completamente imunizada com as duas doses da vacina ou com a dose única.

 

O país aplicou a primeira dose da CoronaVac em uma enfermeira de São Paulo logo após a aprovação da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para o uso emergencial da vacina em 17 de janeiro.

Desde então, mais de 120 milhões de doses desta e de outras vacinas contra a Covid-19 foram aplicadas nos braços dos brasileiros em meio ano de campanha nacional de imunização.

 

O desempenho do Brasil está abaixo de outros países. Após seis meses de vacinação, os EUA já haviam imunizado 43,3% da população com 310 milhões de doses aplicadas, Israel 44,15% (10,6 milhões de doses aplicadas), Reino Unido 61,42% (71,6 milhões de doses aplicadas. O país está em situação semelhante à da China, com 15% da população protegida e 1 bilhão de doses aplicadas.

 

Estes países foram os primeiros a iniciar uma campanha de vacinação em massa, todos dentro da mesma semana, entre 13 e 20 de dezembro de 2020. O Brasil começou cerca de um mês depois.