Imprensa de Luto: morre o radialista Josenildo Monteiro; “Grande profissional do rádio esportivo que elevou muito a nossa Rádio Cultura”

A Imprensa do brejo Paraibano está de luto neste sábado (09), morreu um dos ícones da radiofônia, Josenildo Monteiro.

Radialista que conquistou gerações com sua voz eloquente, polêmico e franco Josenildo foi um dos primeiros comunicadores das emissoras de rádio no brejo.

“Votos de pesar a família do meu inesquecível amigo Monteiro, grande profissional do radio esportivo que elevou muito a nossa Rádio Cultura”. Disse o empresário João Rafael de Aguiar, dono da Rádio Cultura FM.

Conhecido também por participar de locução em várias campanhas eleitorais, Monteiro sempre foi irreverente e exemplo para as novas gerações de locutores. Josenildo estava há alguns anos enfrentando sérios problemas de saúde, internado há alguns dias ele não resistiu e veio a óbito.

Carreira

Iniciou sua carreira na Rádio Cultura 790 Khz, depois militou por cerca de 21 anos na comunicação da Rádio Integração do Brejo, de Bananeira, Monteiro, foi contrato pela Talismã FM de Belém, onde passou cerca de dois anos. Também teve passagem pela Rua Nova FM de Belém, Rádio Serrada de Araruna e recente passagem pela Rádio Curimataú de Nova Cruz, RN.

Redes Socias

No Facebook de Josenildo, a filha comunicou a informação.

Venho por meio do facebook do meu herói, meu pai!

Por ser uma pessoa pública e muito admirada por todos os seus ouvintes durante toda essa linda trajetória que ele construiu no rádio.

Meu pai vinha enfrentando problemas de saúde, era muita luta, foi um guerreiro e Deus deu o descanso dele hoje.

Não estou com condições de escrever mas me senti na obrigação de informar a todos vocês.🖤

Meu grande Exemplo!❤️ Eternas saudades meu pai. Fica os teus ensinamentos para eu dar continuidade.😞