Os bastidores da política paraibana dão conta de que o PL estuda apoiar Pedro Cunha Lima (PSDB) para o Governo do Estado. A única condição do partido que abrigará o presidente Jair Bolsonaro e o seu grupo é que o candidato a vice-governador seja um bolsonarista raiz.

O movimento estratégico partiria de Wellington Roberto, presidente do PL na Paraíba, e seus filhos, que veem nas bases que seriam deixadas por Pedro, que é atualmente deputado federal, a garantia da reeleição de Wellington como deputado federal.

Além disso, essa composição garantiria a Bruno Roberto, pré-candidato ao Senado, uma chapa competitiva – um dos fatores que vem emperrado a postulação dele de ‘decolar’.

Resta saber se Pedro Cunha Lima e o seu grupo se interessa nessa história.

Feliphe Rojas
PB Agora