Morreu nesta quinta-feira (11), a jornalista Cristiana Lôbo. Comentarista política com mais de 30 anos de experiência no jornalismo, ela tinha 63 anos. A morte foi anunciada ao vivo na Globo News, canal em que ela trabalhava.

Cristiana Lôbo tratava um câncer conhecido como meiloma múltiplo, que nos últimos dias foi agravado por causa de uma pneumonia. Por causa do tratamento, ela estava afastada da televisão desde o ano passado. Ela estava internada no hospital Albert Einstein, em São Paulo, e a morte foi anunciada nesta manhã.
História
 
Uma das jornalistas mais respeitadas na cobertura política nacional, Cristiana Lôbo marcou época na GloboNews, após ter passado por redações de importantes veículos impressos do país, incluindo O Globo e o Estado de São Paulo. Setorista de ministérios importantes, como da Saúde e Educação no Globo e atuando também na coluna Panorama Político, logo Cristiana Lôbo ganhou espaço e passou a ser comentarista política do canal por assinatura a partir de 1997, onde permaneceu até seu afastamento para o tratamento de saúde.
Na TV aberta, Cris Lôbo, como era chamada por amigos, integrou o semanal “Meninas do Jô”, quadro do Programa do Jô, onde o apresentador discutia os principais fatos políticos com uma bancada formadas por mulheres jornalistas.