O prefeito de Guarabira, Marcus Diogo, disse que pretende manter a realização da festa da Luz 2022, conforme programação já elaborada e confirmada a mais de 60 dias.

O prefeito esteve concedendo entrevista ao um veículo de comunicação da capital.

“Vamos aguardar mais para ver como se comporta a nova cepa e então teremos um posicionamento. Eu torço, trabalho, rezo para que superemos a Covid, só então poderemos ter uma belíssima festa. A vida das pessoas em primeiro lugar, mas não podemos simplesmente cruzar os braços e deixar nossas cidades irem a falência. A responsabilidade de um gestor envolve todos os aspectos: social, econômico e principalmente o humano, para isto é necessário ter coragem, firmeza não se deixar levar pela hipocrisia nem demagogia”, disse.

Marcus ainda disse que em Guarabira só haverá Festa da Luz se a pandemia permitir, se a pandemia for contida. Contudo, reclamou que haveria uma torcida contra o evento. “O que não entendo é que tem pessoas que parecem torcer para que a pandemia volte para que não se faça a festa em Guarabira, para que não volte o trabalho. Pessoas que não sabem o que é trabalho, quantos milhares estão em casa recebendo seus salários enquanto milhões estão enfrentando os ônibus, metrôs aviões as ruas, todos trabalhando e arrecadando impostos para que o “Brasil” continue funcionando”.

Confiante com o fim da pandemia Marcus destacou que a festa deverá acontecer para dar uma retomada a normalidade aos guarabireses e que a festa é uma tradição e trás muitos benefícios para a economia local.

 

Da redação do Nordeste 1 com informações do Mais PB