O ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (sem partido) deve se reunir ainda nesta semana com o presidente estadual do PSB para tratar de sua filiação à sigla, informa O Antagonista. A filiação pode ser o último passo do ex-tucano rumo à formação da chapa presidencial ao lado do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) para as eleições de 2022.

A filiação de Alckmin ao PSB está sendo articulada pelo ex-governador de São Paulo Márcio França, que estrategicamente tem se aproximado de Donizette.

A expectativa do Partido dos Trabalhadores (PT) é de que com a filiação do ex-tucano, as alianças nacionais e regionais entre os dois partidos ganhem fôlego.

 

PB Agora