Pesquisa realizada pela Quaest, patrocinada pelo banco Genial, mostra ampla vantagem do ex-presidente Lula (PT) na corrida presidencial. O petista tem 44% das intenções de voto contra 26% do segundo colocado, Jair Bolsonaro (PL). A diferença entre eles é de 18 pontos percentuais. O levantamento mostra que o ex-presidente em 50,5% dos votos válidos.

Na sequência aparecem Sergio Moro (Podemos) e Ciro Gomes (PDT) com 7%, João Doria (PSDB) e André Janones (Avante) com 2%, Simone Tebet (MDB) com 1% e Luiz Felipe D’Ávila (Novo) com 0%.

No cenário incluindo outros candidatos, a pontuação é a seguinte: Lula (PT) com 45%, Jair Bolsonaro (PL) com 25%, Ciro Gomes (PDT) com 7%, Sergio Moro (Podemos) com 6%, João Doria (PSDB) e André Janones (Avante) com 2%, Eduardo Leite (PSDB) e Simone Tebet (MDB) com 1% e Luiz Felipe D’Ávila (Novo) com 0%.

Foi traçado ainda um terceiro cenário: Lula (PT) com 48%, Jair Bolsonaro (PL) com 28%, Ciro Gomes (PDT) com 8% e Eduardo Leite (PSDB) com 3%.

No segundo turno, Lula venceria todos os adversários. Contra Bolsonaro, Lula tem 54% das intenções de voto contra 32% do atual chefe do governo.

A pesquisa foi realizada presencialmente e ouviu 2 mil pessoas entre os dias 10 e 13 de março. O levantamento foi registrado nos sistemas do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e pode ser encontrado pelo número de identificação: BR-06693/2022. O nível de confiança é de 95% e a margem de erro é de cerca de 2 pontos percentuais para mais ou para menos.