A Polícia Civil da Paraíba, através da Delegacia Seccional de Mamanguape, realizou operação nesta sexta-feira,18, que resultou na prisão de uma mulher e cinco homens, dentre eles o líder de uma facção criminosa.

O delegado Sylvio Rabelo explicou que, com essas prisões, a Polícia evitou ainda uma possível prática de feminicídio na região.

“Nas últimas horas, nas cidades de Capim, Jacaraú e Itapororoca, a Polícia Civil prendeu cinco homens, dando cumprimento a mandados de prisão, dentre eles, um homem ligado a uma facção conhecida no país, que possui uma tatuagem simbolizando a morte e o grupo criminoso no lado direito do pescoço”, relatou.

Ainda segundo o delegado Sylvio Rabello, gestor da área, o preso chefe do grupo está envolvido em homicídios e tráfico de drogas, e estava sendo procurado há meses pelas Polícias da região.

“O mesmo no momento da prisão estava trancado em uma casa com a companheira, prestes a matá-la, com arma de fogo e destruindo tudo que via pela frente.Após a prisão, muitos populares da região disseram que ele andava armado ameaçando a todos”, detalhou.

O faccionado foi preso em Capim, mas pessoas ligadas a ele foram presas em cidades vizinhas, como Jacaraú e Itapororoca. “Arma e drogas também foram apreendidas”, concluiu.

Nordeste 1