A Secretaria de Saúde de Campina Grande vai ampliar, a partir desta quinta-feira (7), a campanha de imunização contra a influenza no município. Agora, a vacinação vai abranger pessoas acima dos 60 anos de idade e também os profissionais de saúde.

As vacinas serão disponibilizadas em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS), nos Centros de Saúde e nas Policlínicas do município. Para os trabalhadores de saúde, é obrigatória a apresentação de documento comprobatório da ocupação exercida na área da saúde.

A vacinação contra influenza será ampliada para os demais grupos etários à medida em que forem enviadas mais doses. Os grupos prioritários são as pessoas acima de 60 anos de idade, profissionais de saúde, crianças de seis meses até menores de cinco anos de idade, gestantes e puérperas, professores, trabalhadores das forças de segurança, pessoas com comorbidades, pessoas em privação de liberdade, povos indígenas e quilombolas, entre outros grupos.

A vacina contra a influenza protege contra os dois tipos de Influenza A (H1N1 e H3N2) e um tipo de Influenza B (Victoria). Ela é aplicada em dose única para adultos e crianças que já se vacinaram anteriormente e em duas doses, com intervalo de 30 dias, para crianças que estão tomando a vacina pela primeira vez. Em Campina Grande, são mais de 40 mil idosos e mais de 20 mil trabalhadores aptos a receber o imunizante.

Também está acontecendo a vacinação contra o sarampo em Campina Grande. A vacina contra o sarampo é a tríplice viral, que imuniza também contra a caxumba e rubéola. Ela é ofertada para crianças de seis meses até menores de cinco anos e trabalhadores de saúde. Nas crianças são aplicadas duas doses, com intervalo mínimo de 30 dias entre uma dose e outra. No caso dos trabalhadores de saúde, o esquema vacinal deve ser iniciado ou completado, caso não tenha recebido duas doses anteriormente.

 

  • JORNAL DA PARAÍBA