Na Paraíba, 206 pessoas foram detidas, suspeitas de vários crimes durante ações integradas das forças de segurança na Operação Tiradentes. Iniciada à 0h de quinta-feira (21) até as 24h de domingo (24), a operação contou com reforço na Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros Militar, Grupamento Tático Aéreo da Secretaria de Segurança e Defesa Social, Secretaria de Administração Penitenciária e Departamento Estadual de Trânsito.

A Polícia Militar concluiu a operação Tiradentes com a prisão e apreensão de 152 suspeitos de vários crimes, em todo o estado e ainda com a apreensão de 10 menores, também suspeitos de práticas ilegais. O balanço divulgado pela corporação traz ainda como resultado a apreensão de 52 armas de fogo e o registro de 23 veículos com queixas de roubo recuperados nas ações. Durante a Operação Tiradentes, ainda foram cumpridos 23 mandados de prisão pela Polícia Militar.

A Polícia Civil, por sua vez, realizou 54 autos de prisão em flagrante e instaurou 28 inquéritos para investigar crimes como violência doméstica, tráfico de drogas, posse ilegal de arma de fogo, roubos e crimes de trânsito.

A Operação Tiradentes foi lançada na última quinta-feira (21) pelo secretário de Segurança, Jean Nunes, e o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Sérgio Fonseca, que juntos ao delegado-geral da Polícia Civil, André Rabelo e ao secretário de Administração Penitenciária, João Alves, comandaram pessoalmente as primeiras abordagens nas ruas, bem como uma ação de fiscalização no Presídio Silvio Porto, em João Pessoa.

As ações contaram com um reforço de policiais, aumentando o número de abordagens, bloqueios e incursões em áreas mapeadas e indicadas pelas estatísticas e inteligência da Sesds.

Detran-PB – A Operação Tiradentes, pela Lei Seca, teve caráter educativo, com a presença dos agentes de trânsito nos principais corredores dos bares e restaurantes da orla, do Cabo Branco a Intermares. A ação constou da distribuição de material educativo, com abordagens aos condutores. Portanto, não houve autuações por alcoolemia.

Administração Penitenciária – Neste final de semana na Operação Tiradentes, a polícia penal realizou vistorias em várias unidades prisionais do estado, a exemplo das unidades de Campina Grande e região metropolitana de João Pessoa, com apreensões de drogas nas unidades de Mamanguape, Itabaiana, e na capital na unidade do Róger.

Todas as apreensões foram feitas com familiares nas ocasiões das visitas, onde tentaram burlar a segurança das unidades com drogas.

 

Secom PB