O presidente Jair Bolsonaro exonerou, a pedido, o secretário-executivo do Ministério da Saúde, Rodrigo Cruz. O decreto foi publicado no Diário Oficial da União nesta quarta-feira (11).

No lugar, foi nomeado Daniel Meirelles Fernandes Pereira para o segundo posto mais importante da pasta. Além do presidente, a troca também foi assinada pelo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga.

Rodrigo substituia o ex-secretário executivo e coronel Antônio Elcio Franco, que atuou na função entre junho de 2020 e foi exonerado no final de março de 2021.

Daniel era assessor especial do ministro da saúde e substituto eventual do Departamento de Economia da Saúde, Investimentos e Desenvolvimento.

 

R7