O prefeito de Campina Grande, Bruno Cunha Lima, estima que O Maior São João do Mundo vai fazer circular cerca de R$ 400 milhões na economia formal da cidade durante os 31 dias de festa. Na abertura do evento, nessa sexta-feira (10), ele afirmou que a cidade está de portas abertas para receber os visitantes, após uma pausa de dois anos provocada pela pandemia da Covid-19.

“São mais de dois milhões de turistas, pessoas que vão passar por Campina ao longo desses 31 dias, aquecendo toda cadeia econômica, do dono do restaurante ao garçom, a dona do pequeno salão de beleza, o motorista de táxi, de aplicativo, os ambulantes”, avaliou o prefeito.

Bruno afirma que a intenção é fazer a melhor edição d’O Maio São João do Mundo.

MaisPB