O Facebook anunciou, nesta quinta-feira, 7, que vai reduzir os conteúdos políticos no Brasil a três meses da eleição. Essa é uma resposta da plataforma tanto aos usuários brasileiros quanto as pessoas do mundo todo que desejavam ler e assistir menos sobre o tema. “A partir de hoje daremos menos ênfase a comentários e compartilhamentos para determinar a distribuição de conteúdo político no Facebook no país”, disse em comunicado a Meta, dona da rede.

A nova forma de distribuição de postagens, que entra em vigor nas próximas semanas de forma gradual,  é testada desde fevereiro do ano passado. Atualmente, em média, 142 milhões de usuários acessam a plataforma todos os meses no Brasil.

De acordo com o Facebook, a iniciativa também atingirá na queda de publicações “problemáticas”, como por exemplo, desinformação eleitoral e discurso de ódio. Além disso, a plataforma disse que a medida vai combater postagens que violam suas diretrizes. Inclusive, a rede social destacou que observou uma “redução nas instâncias de discurso de ódio e desinformação”, finalizou.

 

Jovem Pan