Termina nesta sexta-feira (15) o prazo para que as unidades judiciárias do Estado realizem a Autoinspeção Virtual – procedimento obrigatório previsto no Código de Normas Judiciais da Corregedoria-Geral de Justiça do TJPB (artigo 19 – A). O relatório deve ser preenchido pelo magistrado (a) que estiver respondendo pela unidade no mês de julho.

De acordo com o juiz corregedor Fábio Araújo, estão dispensadas do procedimento as Comarcas que passaram (ou passarão) pela correição da CGJ este ano.

O relatório a ser preenchido está disponibilizado desde o dia 1º de junho na aba ‘Autoinspeção Virtual’, no portal da Corregedoria (https://corregedoria.tjpb.jus.br/). Também pode ser acessado via intranet (https://www.tjpb.jus.br/intranet/autoinspecao-virtual ).

Ao acessar o sistema, os juízes e juízas poderão visualizar algumas informações pré-carregadas, como: os processos ativos, feitos paralisados há mais de 100 dias em cartório e também os que excederam o prazo em gabinete para despacho, decisão e julgamento.

Repórter PB